Países previstos para ter o maior número de cristãos no ano de 2050

Uma pesquisa realizada pelo Pew Research Center identificou 2, 19 bilhões de cristãos em 2010, o que representa um enorme salto em relação à cifra de 600 milhões em 1910. O protestantismo registrou um rápido crescimento na sociedade contemporânea. Os países que previram ter o maior número de cristãos no ano de 2050 são discutidos abaixo:

1. Os EUA

Os EUA devem ter 329.343.000 adeptos do cristianismo em 2050. Cerca de 75% dos adultos pesquisados ​​nos EUA em 2015 foram identificados como cristãos, tornando a religião a mais observada no país. Com cerca de 280 milhões de cristãos, os EUA possuem a maior comunidade cristã do mundo. De acordo com um estudo de 2015, 450.000 muçulmanos americanos mudaram para a fé cristã, e a maior parte deles se juntou a uma congregação pentecostal. Estima-se que 130.000 iranianos-americanos, assim como 180.000 árabes-americanos, tenham se convertido ao cristianismo em 2010. Estima-se que 20.000 adeptos do islamismo passem para o cristianismo por ano nos EUA, alimentando assim o crescimento do cristianismo. A conversão ao cristianismo também foi identificada em comunidades como coreano, japonês e chinês nos EUA.

2. Brasil

O cristianismo é o movimento religioso dominante no Brasil. Um censo de 2010 revelou que 88, 77% dos habitantes do Brasil observam o cristianismo. Deste número, 64, 63% são católicos romanos, enquanto 22, 16% são protestantes. O protestantismo tem refletido crescente apoio no Brasil na última década. Em 1970, apenas 5% da comunidade cristã no Brasil identificou-se com o protestantismo, e o número agora subiu para 22%. Igrejas evangélicas têm chegado às pessoas com o objetivo de obter conversos na nação. Algumas dessas igrejas estabeleceram centros de reabilitação e oração em todo o país, tornando-as mais visíveis para pessoas de todos os níveis. Os católicos romanos no Brasil também estão se convertendo ao evangelismo. Estima-se que o Brasil terá 235.666.000 cristãos até 2050.

3. Etiópia

Cerca de 60% do total de habitantes da Etiópia aderem ao cristianismo. A Igreja Etíope é a maior igreja pré-colonial africana, e tem uma congregação de 40 a 46 milhões, a maioria dos quais habita a Etiópia. As comunidades protestantes no país têm cerca de 13, 7 milhões de membros etíopes. Os adeptos das religiões indígenas na Etiópia estão mudando para o protestantismo, que cresce a uma taxa de 6, 7% ao ano. O protestantismo avançou em regiões como as nações, nacionalidades e povos do sul, onde conquistou adeptos do animismo. O crescimento do protestantismo no país, por sua vez, alimentou o crescimento do cristianismo e estima-se que a Etiópia terá 179.493.000 cristãos em 2050.

4. República Democrática do Congo

Aproximadamente 95, 7% dos habitantes da RDC observam o cristianismo em várias denominações. O catolicismo romano comanda cerca de 50% da população da RDC, seguido pelo protestantismo a 20% e o único Kimbanguismo a 10%. A RDC deve abrigar algumas das maiores comunidades cristãs da África em 2050, com 170.380.000 seguidores.

5. México

82, 7% da população do México foi identificada como aderente ao cristianismo católico em 2010. A população católica no México vem reduzindo nas últimas décadas por causa da crescente popularidade de outras denominações cristãs. As congregações protestantes e o mormonismo, em particular, têm refletido um crescimento dinâmico. Comunidades evangélicas no país, como Batista e Testemunhas de Jeová, têm ampliado sua presença em várias regiões do México, atraindo novos adeptos, inclusive convertidos do catolicismo. Grandes igrejas evangélicas estão surgindo e oferecem vários serviços em uma semana. O crescimento do evangelismo no México é uma das razões para o crescimento do cristianismo no México. Em 2050, o país deverá ter 139.773.000 cristãos.

6. Nigéria

21, 4% dos nigerianos aderiram ao cristianismo em 1953, comparados aos 48, 2% em 2003. Esse crescimento é atribuído à grande comunidade missionária do país. 50% a 67, 4% dos nigerianos são atualmente cristãos, a maioria dos quais habita as áreas central e sul da Nigéria. O islamismo domina a região norte, onde os muçulmanos têm mudado a fé para o cristianismo, apesar da perseguição. A Nigéria já tem a maior congregação cristã africana, com mais de 85 milhões de pessoas se identificando com uma denominação. As comunidades protestantes têm aumentado sua presença no país, como a Convenção Batista da Nigéria e os adventistas do sétimo dia. Em 2050, o número de cristãos na Nigéria é projetado para o topo de 127.374.000 seguidores.

7. Uganda

Mais de 84% da população de Uganda professou a fé do cristianismo em um censo de 2014, seguido pelo Islã em 14%. Os católicos romanos formam a maior comunidade cristã em Uganda. Os evangélicos estão na vanguarda da ascensão do cristianismo em Uganda e desfrutam de fortes laços com a comunidade evangélica nos EUA. Os evangélicos ugandenses participam de iniciativas sociais, como a construção de centros de saúde, escolas e orfanatos com a ajuda de americanos. Os evangélicos também assumem um papel central na política e também buscam agressivamente convertidos. Estima-se que até 2050, o Uganda será o lar de 123.415.000 seguidores cristãos.

8. Rússia

O cristianismo ortodoxo é identificado como o maior da Rússia, bem como a religião tradicional. 71% dos russos disseram que eram adeptos dos ortodoxos orientais em uma pesquisa realizada em 2015 pelo Pew Research Center. Cerca de 140.000 habitantes da Rússia são católicos romanos, a maioria dos quais vive no oeste da Rússia. A Igreja Ortodoxa desfruta de uma relação harmoniosa com o Estado russo, e tem sido capaz de aumentar sua influência e ser vista como parte da cultura russa. O país também se comprometeu a reconstruir igrejas e construir novas depois de terem sido des-popularizadas pela União Soviética. Estima-se que a Rússia abrigará 115.756.000 cristãos em 2050.

9. Filipinas

Quase 92% das pessoas nas Filipinas se identificam com o cristianismo, onde 81% são católicos romanos, enquanto 11% pertencem a denominações católicas autônomas e comunidades protestantes. O número de cristãos nas Filipinas em 2050 é projetado para ser 112.756.000. O protestantismo também vem ganhando mais presença no país, e inclui congregações notáveis ​​como Iglesia ni Cristo traduzida para a Igreja de Cristo.

10. China

A China é uma das nações asiáticas projetadas para ter grandes populações de cristãos até 2050. Estima-se que 102.208.000 cristãos viverão na China em 2050. Um dos principais fatores que impulsionam esse crescimento são as altas taxas de conversão, especialmente entre comunidades indígenas e budistas. Estima-se que a taxa de conversão na China varie entre duas a oito vezes a taxa de crescimento da população.

Tendências

A população cristã mundial vem mudando a base da Europa para a África. Cerca de metade da população cristã cristã atualmente habita a África, bem como as regiões da América Latina e do Caribe. O Pew Research Center estima que essas regiões terão mais de seis em dez dos cristãos globais, enquanto apenas 20% dos cristãos do mundo habitarão a Europa e a América do Norte até 2050.

Países previstos para ter o maior número de cristãos no ano de 2050

ClassificaçãoPaísPopulação dos cristãos (2050)
1Estados Unidos329.343.000
2Brasil235.666.000
3Etiópia179.493.000
4República Democrática do Congo170, 380, 000
5México139.773.000
6Nigéria127.374.000
7Uganda123.415.000
8Rússia115.756.000
9Filipinas112.756.000
10China, República Popular da102, 208, 000

Recomendado

Espécies Únicas da África: Oribi
2019
Onde estão os países da Panônia da Europa?
2019
Movimentos de arte ao longo da história: Pintura de campo de cor
2019