Quais idiomas são falados em Ruanda?

Ruanda é um pequeno país interior localizado na África Oriental. A linguagem é fundamental para a cultura e o sistema de crenças do povo ruandês. O povo de Ruanda fala principalmente três línguas principais: kinyarwanda, francês e inglês. Essas três línguas também são oficiais. As interações com outros membros da comunidade da África Oriental levaram à introdução da língua Suaíli no país, especialmente para fins comerciais. Os períodos pré-colonial, colonial, pós-colonial e pós-genocídio do país influenciaram a adoção e o uso dessas línguas.

Kinyarwanda

Kinyarwanda é uma língua étnica bantu com mais de 12 milhões de falantes em vários países, incluindo a República Democrática do Congo, Uganda e Ruanda. Em Ruanda, o Kinyarwanda é uma língua oficial e a única língua étnica. Kinyarwanda é uma língua étnica falada pelos três grupos étnicos ruandeses: o povo hutu, tutsi e twa. A língua desenvolveu-se como a identidade cultural destes grupos étnicos durante o 15o século, depois da interação fechada entre os três. A língua é uma língua nacional e a mais falada no país, com cerca de 93% da população usando a língua. Sendo uma língua oficial, o Kinyarwanda é usado como meio de instrução em instituições ruandesas, administração, mídia e comércio para transações comerciais diárias.

francês

Como Ruanda é uma antiga colônia belga, adotou o francês como língua oficial. No entanto, apesar de ser a língua colonial, apenas cerca de 0, 1% (a maioria educada) da população ruandesa fala francês. O genocídio ruandês de 1994 afetou negativamente o status da língua entre os ruandeses, levando à sua lenta substituição pelo inglês. O envolvimento dos franceses no genocídio desencadeou esforços do povo ruandês para se destacar completamente das influências francesas e francófonas.

Inglês

O inglês é a terceira língua oficial no Ruanda, falada por cerca de 0, 2% da população. O inglês tornou-se uma língua oficial em Ruanda no final do século XX e foi introduzido nas escolas em 2008. A transição do francês para o inglês no Ruanda foi desencadeada pelo desejo de quebrar a influência dos franceses e alinhar Ruanda com a comunidade da África Oriental, onde Inglês é a língua oficial. Além disso, o uso do inglês oferece uma opção economicamente viável, aumentando o número de investidores estrangeiros dos países de língua inglesa. A língua é atualmente usada como o principal modo de instrução das instituições ruandesas.

Suaíli

O governo de Ruanda, em fevereiro de 2017, aprovou legislação que faz da suaíli uma língua oficial no país. A adopção da língua como língua oficial veio na sequência de pedidos da comunidade da África Oriental para que os membros incluíssem o suaíli como uma das línguas oficiais. O suaíli deve ser usado em funções administrativas, bem como em documentos oficiais. A linguagem também será adotada no currículo como disciplina obrigatória.

Importância das línguas faladas no Ruanda

Além de servir a principal função de ser um meio de comunicação entre os moradores de Ruanda, as línguas faladas no país também desempenham outros papéis importantes. A linguagem é usada como a forma básica de transmissão de conhecimento nas instituições de ensino de Ruanda, aumentando assim as taxas de alfabetização. A linguagem também é importante na manutenção de registros para fins administrativos e comerciais. Em Ruanda, a adoção e o foco em algumas línguas, como inglês e swahili, servem para promover a economia da nação, melhorando o comércio e a comunicação com outras nações.

Recomendado

As sete espécies de tartarugas marinhas que vivem nos oceanos do nosso planeta
2019
Quem foi o quarto presidente dos Estados Unidos?
2019
O que significa o termo mar Mediterrâneo significa em oceanografia?
2019