Qual é a moeda de Moçambique?

Metical moçambicano

Simbolizado como MZN ou MT, o Metical moçambicano é a moeda usada em Moçambique. O nome da moeda vem de uma palavra árabe chamada mithqal. Foi usado para se referir à moeda do dinar de ouro que foi amplamente utilizada em muitas nações da África antes do século XIX. Os meticais são emitidos pelo Banco de Moçambique, que é o Banco Central.

História do Metical

A história pertencente ao metical moçambicano existe em duas fases. A primeira fase começa em 1980, onde o escudo, que anteriormente era o meio de troca em Moçambique, foi substituído pelo primeiro metical abreviado como MZM. A primeira fase chegou ao fim em 2005, devido à inflação séria que afetou seu valor. Em 1 de Julho de 2006, Moçambique reavaliou o metical a uma taxa de 1000: 1, o que constituiu o início da segunda fase da história do metical. O governo adoptou um novo código, o MZN, e emitiu novas notas e moedas através do Banco de Moçambique.

Moedas

O período de cunhagem do metical moçambicano ocorreu em duas fases. O primeiro conjunto de meticais foi cunhado em 1980 nas denominações de 50 centavos, 1, 2 1/2, 5, 10 e 20 meticais. Alumínio foi usado para produzir os 50 centavos, bem como 2 ½ e 5 meticai. Por outro lado, o latão foi usado para cunhar o 1 MZM e o metal usado para cunhar o 10 e 20 MZM era níquel. Seis anos depois, foram introduzidos 1, 10, 20 e 50 meticais de alumínio. Outra revolução na cunhagem veio em 1994, onde as moedas de 1, 5, 10, 20 e 50 MZM eram feitas de latão e aço, enquanto as moedas de 100, 500 e 1.000 MZM eram atingidas com níquel. Em 1998 e 2003, as moedas de 5.000 e 10.000 MZM foram cunhadas respectivamente. A segunda fase do período de cunhagem iniciou-se em julho de 2016. Esta fase envolveu a emissão e circulação do segundo meticais nas denominações de 1, 5, 10, 20 e 50 centavos e 1, 2, 5 e 10 MZN. Actualmente, as moedas usadas em Moçambique são de valores de 1, 2, 5 e 10 meticais, bem como 50 centavos.

Notas bancárias

Semelhante à emissão das moedas, as notas bancárias também foram impressas em duas fases: a primeira e a segunda fase. A primeira fase foi dividida em três etapas. A primeira etapa ocorreu em 16 de junho de 1980, onde as notas foram introduzidas em Moçambique nas denominações de 50, 100, 500 e 1.000 meticais. A segunda etapa foi três anos depois, quando as mesmas notas e denominações foram emitidas para uso público. A única diferença nessas notas era o novo logotipo do estado impresso nelas. Durante esta fase, no ano de 1989, os 5.000 meticais foram introduzidos. A terceira fase envolveu a impressão de notas nas denominações de 500, 1.000, 5.000, 10.000, 20.000, 50.000, 100.000, 200.000 e 500.000 meticais, ocorridas entre 1991 e 2003. Durante a segunda fase do Emitindo notas de banco em 2011, o Banco de Moçambique emitiu um novo conjunto de notas com funcionalidades de segurança reforçadas, o que dificultou a introdução de falsificações em circulação. As notas emitidas em 2011 são as atualmente utilizadas em Moçambique e incluem os 20, 50, 100, 200, 500 e 1.000 meticais.

Taxa de câmbio do metical moçambicano face ao dólar dos EUA

A partir de 6 de julho de 2017, a taxa de câmbio entre o metical moçambicano e o dólar americano foi de 1 dólar, sendo igual a 60.265, 01 meticais.

Recomendado

Quando Mamutes Woolly foram extintos?
2019
Estradas de gelo ao redor do mundo
2019
As empresas mais rentáveis ​​da Coreia do Sul
2019